sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Cacém: Intervenção Assembleia Freguesia de 30 Outubro 2009

Realizaram-se em 11 de Outubro as eleições autárquicas. Da votação dos eleitores do Cacém resultou a eleição dos vogais aqui presentes, que felicito.
Estas eleições foram também o tempo de avaliação da actividade exercida pelo anterior executivo. Essa avaliação foi-lhe favorável, resultando numa nova vitória da Coligação Mais Sintra.
Por esse facto cumpre-me apresentar-lhe em nome do Partido Socialista um voto de congratulação formal.
Em tempo de campanha expressámos mutuamente votos de felicidades pessoais. Agora, para além desses votos que continuamos a manter, acrescentamos os votos de felicidades institucionais, que serão muito necessários tendo em conta tudo o que continua por fazer para a melhoria da qualidade de vida na nossa Freguesia.
Para além da sua vitória pessoal, estas eleições ficaram marcadas pela abstenção. Este facto deve preocupar-nos a todos, porque não obstante a sua eleição como Presidente da Junta, ela foi expressa por menos de metade dos eleitores da freguesia, sendo que 54% dos eleitores recusaram expressar o seu voto. Cumpre pois divulgar as actividades da Junta e a sua importância perante os eleitores.
Apesar da existência de uma vasta coligação de direita, manteve-se inalterada a representatividade do Partido Socialista.
O PSD e os pequenos partidos de direita que compõem essa coligação tornaram-se mais fortes com esta união sem marcas ideológicas assumidas. Convêm reflectirmos sobre as vantagens e desvantagens deste tipo de uniões, à direita ou à esquerda.

Exmo. Candidato da Coligação Mais Sintra
Passou o tempo da campanha eleitoral e da apresentação de propostas.
Para a Coligação Mais Sintra, passou também o tempo das promessas fáceis e obras apressadas em véspera de eleições.
Começou agora o tempo de cumprir as promessas efectuadas. Em nome da seriedade e da democracia cá estaremos para exigir o seu cumprimento.

Apesar de não termos saído vencedores das eleições, mantemos na íntegra o nosso programa e o compromisso que fizemos com os eleitores.
Pode o antigo e futuro Presidente de Junta contar com uma oposição séria à actividade da Junta por si dirigida, no respeito e na defesa das nossas propostas e em tudo o que considerarmos ser o melhor para a Freguesia do Cacém e para a Cidade de Agualva-Cacém.

Maria Leonor Vieira, candidata do Partido Socialista

Sem comentários:

Publicar um comentário