terça-feira, 14 de maio de 2013

A desonestidade intelectual da CDU

A CDU difundiu recentemente um comunicado acusando a Bancada do Partido Socialista na Assembleia de Freguesia do Cacém de estar contra “a construção de um hospital público em Sintra e o aumento de médicos de família no centro de saúde do Cacém”, ao votar contra uma Moção apresentada pela CDU.
Este comunicado revela a intenção clara de deturpar os factos para obter supostos dividendos políticos.
Foi afirmada pela Bancada do Partido Socialista na Assembleia de Freguesia e consta na ata da mesma, a concordância com 99% do teor da moção, com apenas uma discordância que fazia toda a diferença no sentido de voto e cujo texto sugerimos que fosse corrigido.
Uma correção que foi liminarmente recusada, indiciando já as intenções da CDU, confirmadas agora no comunicado eleitoral divulgado.
Uma moção que apenas foi apresentada na própria Assembleia, ao arrepio do regimento, impedindo qualquer análise mais aprofundada.
Uma moção que afirmava de forma clara e ostensiva supostas responsabilidades do Partido Socialista pela inexistência do Hospital de Sintra:
Sabendo-se que a prestação de cuidados de saúde no concelho de Sintra tem sido, ao longo dos anos, descurada pelo PS ou PSD/CDS-PP. Considerando que os executivos municipais, também eles ligados aos respetivos partidos, nada têm feito para resolver a situação
Responsabilidades que devem ser assacadas por inteiro ao executivo municipal do PSD e do CDS-PP, do qual a CDU faz parte.
Responsabilidades que impediram a construção do Hospital de Sintra, após o anterior executivo municipal do Partido Socialista ter adquirido o terreno e assinado o protocolo com o Ministério da Saúde para a sua construção.
As palavras fazem toda a diferença e a bancada do Partido Socialista nunca poderia deixar de votar contra uma moção, que de forma intencionalmente encapotada pretendia que concordássemos com as acusações proferidas.
Os sintrenses e os moradores de Agualva-Cacém bem sabem a posição que o Partido Socialista sempre tem assumido para a construção do hospital de Sintra e a defesa do sistema público de saúde.
Sabem bem quais as responsabilidades de quem há quase 12 anos faz parte do executivo municipal.
O alvo da CDU é agora e sempre o Partido Socialista, mesmo quando os sintrenses e os moradores de Agualva-Cacém sentem na pele os ataques do presente Governo ao Estado social.
O mesmo alvo, quando a CDU se aliou ao PSD e CDS-PP para derrubar o anterior Governo socialista, apesar de conscientes que lançariam o pais e os portugueses nas enormes dificuldades com que se confrontam hoje, conscientes que a queda do governo abriria o caminho para um governo de direita.
Para a reposição da verdade, basta aguardar pela ata da Assembleia e esclarecer a posição do Partido Socialista na Assembleia de Freguesia do Cacém.

Agualva-Cacém, 11 de maio de 2013



A Bancada do Partido Socialista

Sem comentários:

Publicar um comentário